Diabetes tipo 2? Como?!

A cada dia que passa aumenta o número de pessoas que desenvolvem diabetes tipo 2 e o pior disto tudo é que cada vez mais jovens e crianças desenvolvem esta doença que vai acompanhá-las pelo resto de suas vidas e muitas consequências junto dela, mas afinal de contas o que está por detrás desta epidemia de diabetes? O que mudou tanto nos dias de hoje? Entendermos o mecanismo de aparecimento desta patologia é a melhor maneira de tentarmos nos livrar do aparecimento dela e de suas complicações.

Um pouco sobre a glândula tireoide

A tireóide é uma glândula que se situa na região do pescoço mais precisamente em frente à traqueia. Produz dois hormônios: T4 (tiroxina) e T3 (triiodotiroxina).
Sabemos hoje que T4 é um pré-hormônio e para que ele possa realizar as suas funções no organismo precisa ser transformado em T3. Para que ocorra esta transformação é preciso uma enzima denominada deiodinase.

A tireoide e seus problemas

Nesta matéria vou falar um pouco sobre as patologias que podem atacar à tireoide. Trata-se de um apanhado geral para que você saiba que estas patologias existem devendo ser tratadas por um especialista no assunto, no caso um endocrinologista. Posteriormente, numa outra matéria, vou abordar sobre hipotireoidismo e algumas controvérsias sobre esta patologia.

Hipertireoidismo, o que é isso?

Esta doença ocorre quando por alguma razão a glândula tireoide começa a fabricar seus hormônios em excesso. Em sua forma mais branda pode não apresentar sintomas significantes, mas quando a doença se expressa a todo vapor pode ser assustador para o portador que não entende o que está acontecendo, pois com o excesso dos hormônios seu corpo começa a trabalhar a mil. Quando não diagnosticado e tratado na sua forma grave pode levar à morte, além de causar problemas com a fertilidade e também na gravidez.